domingo, janeiro 08, 2012

Dia Nacional do fotógrafo – 08 de janeiro



A História de um Ícone
Texto: Marcia Costa
Fotos: Fundation Henri Cartier-Bresson

     Hoje é o dia do fotógrafo. E para homenagear a todos os amantes desta arte de pintar com a luz, fizemos um resumo breve,  de um dos maiores fotojornalista da história. Henri-Cartier Bresson.

     Nascido em 22 de agosto de 1908, em Paris. Bresson Estudou pintura e desenho, sendo influenciado pelas idéias do surrealismo.


    Comprou sua primeira câmera, da marca Krauss, aos 22 anos. Logo depois, em 1931 descobriu aquela que seria sua companheira por toda sua carreira, uma Leica. E, como ele mesmo disse: Tornou-se uma extensão de meus braços.

    Iniciou sua carreira como fotógrafo em 1932, e,  se tornou o mais importante e influente fotógrafo de sua época, tendo como marca  o instante decisivo. Isto é, esperar pelo momento certo de apertar o botão.
     
     Bresson não gostava de fotos arranjadas, planejadas e nem de cenários artificiais. Também não gostava de utilizar flash. Seu equipamento de trabalho era sua velha Leica,  uma objetiva 50mm, além dos filmes preto e branco.
Em 1947, fundou juntamente com Robert Capa, David Seymour (Chim), William Vandivert e George Rodger a Agência Magnum Photos. Seus trabalhos foram publicados em revistas como Life, Paris-Match e Vogue.
Entre 1948 e 1950, registrou muitos acontecimentos em países asiáticos, como o fim do Império Britânico na Índia e os primeiros meses  de Mao Tse Tung, na China.
   
     Em 1966, Bresson saiu da Magnum, mas permitiu que a agência continuasse a distribuir suas fotos. Em 1970 casou-se com a fotógrafa Martine Frank e pouco depois abandonou a fotografia profissional, dedicando seu tempo a pintura e ao desenho.



      Para Bresson, “Tirar uma fotografia significa reconhecer, simultaneamente e em uma fração de segundos, o fato em si e os elementos visuais que formam seu significado. É colocar na mesma linha de mira, a cabeça, o olho e o coração.”

     Henri- Carier Bresson morreu em 03 de agosto de 2004 em Montjustin, Provença,  na França. E, nos deixou um legado no fotojornalismo com  imagens simples e belíssimas.

Um comentário:

  1. Show de bola..muitop bacana,..bom saber dessas coisas..!PABRANES A TODOS!!!

    ResponderExcluir